O pequeno negócio no mercado da moda: 3 dicas para potencializar os negócios

O pequeno negócio no mercado da moda: 3 dicas para potencializar os negócios

O pequeno negócio no mercado da moda

Apesar de a São Paulo Fashion Week já ser um evento tradicional, sua 45ª edição trouxe um destaque: o espaço para o pequeno negócio de moda. O objetivo era incluir as empresas de menor porte no mercado do setor.

A ideia foi gerar mais oportunidades para o pequeno empresário, especialmente devido à projeção que o evento tem não só no Brasil, mas no mundo todo.

Mais de 200 marcas puderam de participar de uma programação focada na troca de experiência e na criação de networking — sem contar a chance de conhecer os bastidores que envolvem esse tipo de evento. Houve ainda palestras e desfiles comentados.

Três dicas para potencializar o negócio

Diante das oportunidades que o São Paulo Fashion Week proporciona ao pequeno negócio, a empresa que deseja se destacar para participar desse tipo de evento deve focar em alguns pontos para conseguir crescer. Veja a seguir quais são eles!

1. Conheça o seu cliente

Você já viu como uma loja de departamento, a chamada fast fashion, muda de coleção com frequência? Isso se deve a um estudo feito por ela para adaptar o produto à necessidade do cliente.

Portanto, se você deseja aumentar a sua demanda, comece também a entender o seu público. Faça pesquisas, observe os dados de venda, pergunte ao consumidor. Afinal, quanto mais alinhado ao que ele deseja, melhor para o negócio.

2. Ofereça uma consultoria de moda

Quantas vezes o cliente não chega à sua loja para comprar uma roupa para uma ocasião específica, mas não sabe por onde começar? Treine a sua equipe para que ela conheça cada peça e seja capaz de oferecer um serviço de consultoria personalizado.

A ideia não é dar uma opinião pessoal, mas sim mostrar o que há de melhor em termos de produto. Durante o atendimento, é essencial levar em consideração o estilo da pessoa, bem como todo um estudo sobre coloração (cor que mais combina) e modelagem.

3. Invista no marketing digital

O uso de redes sociais é primordial para um negócio de moda. Procure as plataformas essencialmente visuais, como o Instagram e o Pinterest. Esses canais atingem em cheio o público antenado em moda. Poste fotos, apresente as novidade e personalize a página a fim de conquistar o cliente.

Aliás, falando em marketing digital no geral, também é válido apostar no e-mail com promoção ou mesmo com alguma oferta personalizada. Isso ajudar a fidelizar o consumidor. A construção de uma imagem digital forte é importante, pois o público ligado à moda costuma estar atento às novidades — e a internet é o canal ideal para isso.

O mercado de moda é dinâmico. Ele tem espaço tanto para o grande varejista quanto para o pequeno negócio. Se você quiser aproveitar a oportunidade, siga as nossas dicas e potencialize a sua estratégia de crescimento.
 
 
Fonte: Santander

Impressora Fiscal Epson TM-T900F por R$1.799,00 (à vista).


Impressora Fiscal Epson TM-T900F

A Impressora Fiscal Epson TM-T900F é o modelo ideal para atender a alta demanda de impressão do varejo. Atende à nova padronização de comandos do convênio ICMS 09/09, e também, dispõe de ferramentas de softwares que facilitam a migração dos aplicativos que já utilizam as DLLs Epson para impressoras do convênio anterior.

Compartilhe:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.